Quanto Medo Você Tem do Fracasso?

Embora ainda não tenha chegado no meu meio século de vida, tempo que parece considerável para se tirar conclusões justas dos experimentos humanos como indivíduos, não conheço nenhuma pessoa bem sucedida que não tenha pavor do fracasso.

Mas eu também não conheço nenhuma pessoa bem-sucedida que não tenha falhado mais vezes do que pode contar.

O fracasso não é a condenação eterna que está sendo feita.

E acontece a todos de novo e de novo, especialmente em quem vive cheio de energia para se experimentar.

Quando você trabalha em um projeto digno, pode parecer que a peça-chave e objetivo único seja o seu eventual sucesso, no entanto, nenhum tipo de retorno financeiro ou reconhecimento parece ser sucificente para definir uma vida bem sucedida.

Da perspectiva que desejo apresentar, a verdade ou peça chave para aproximar “projetos” de “sucessos”, é a evolução autêntica que ocorre nos colaboradores do evento ao longo do caminho.

Quem você e eu nos tornamos no processo de resolver problemas e completar projetos é mais importante do que se o trabalho for concluído com sucesso desta vez ou não.

Cada projeto é seguido ou “sucedido” por outro. Todo o problema é seguido por outro.

É assim que a dinâmica do mundo dos negócios e da vida parece funcionar.

A finalidade deste design não pode ser a conclusão bem-sucedida dos projetos ou a execução impecável de seus planos ajustados.

O objetivo é o amadurecimento e maturação das pessoas. O despertar da verdadeira sabedoria, compaixão e habilidade em líderes que se atrevem a assumir a responsabilidade por projetos e problemas dignos.

Mesmo sabendo que a falha provavelmente ocorrerá repetidas vezes até que cada um de seus colaboradores experimentem momentos de sucesso.

Mesmo sabendo que sempre haverá novos problemas e projetos para se conquistar após esse.

Quando você experimenta uma verdadeira falha, o tipo de falha que descarrilha sua auto-imagem e destrói seu orgulho, isso permite que você perceba que uma vida bem-sucedida não pode ser medida por quantos projetos você completou com sucesso ou por quantos problemas você já passou e resolveu com maestria.

É quando você pode perceber o que Leonard Cohen chamou de “cair em sua obra-prima”.

A percepção de que quem você está se tornando no processo de suas lutas e seu profundo engajamento com a vida, o amor e a criatividade, é de fato o seu único trabalho real.

Seu legado não são seus projetos completos ou problemas resolvidos, seu legado é a pessoa que você se tornou ao longo do caminho.

Desejo-lhe a confiança para “cair em sua obra-prima”, independentemente do seu histórico em termos de projetos e problemas assumidos atualmente, porque o que faz de você um sucesso é sempre muito mais do que tudo isso.

Considere deixar-se moldar pela vida do jeito que as pessoas que lhe admiram e se alegram com a presença do ser humano e líder consciente que você se tornou ao longo do caminho.

Porque esse “você” é alguém que a sociedade ama conhecer.

O que aumenta muito as chances de você sair desta vida, no momento oportuno, com o sentimento que lhe assegure o sorriso sereno de quem esta pronto para mais uma experiência bem-sucedida!

***

Vanessa N. Syrio é geóloga e vive em Santa Barbara, CA, USA, com seu amado esposo cientista, seu filho iluminado e amizades afetuosas que amenizam a saudade dos familiares e amigos distantes. Ela é autora do livro “Espiritualidade e Realidade – Como Se Revitalizar com Integridade”

2 comentários em “Quanto Medo Você Tem do Fracasso?

  1. Sim, Vanessa, o importante não é chegar ao destino, o importante é o percurso. Até por quê só existe o percurso .

    Curtir

    1. Nicolette, seu percurso sob a minha perspectiva, é um legado admirável que ilumina meu caminho! Obrigada, amiga holofote agradável.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close